top of page
  • Mazal News

Jews Around the World to Complete Study of Maimonides’ Works


Particpants at the dais of the 2021 Siyum HaRambam in Jerusalem.

On Shabbat, April 22, Jews around the world will conclude the daily study of Maimonides’ magnum opus, Mishneh Torah, also known as Yad HaChazakah or simply, Rambam—the Hebrew acronym for Rabbi Moshe ben Maimon. Siyum (“conclusion”) events will be held around the world on the day of the completion and on the start of the new cycle the following day, with major celebrations also to take place two weeks later on Lag BaOmer.


The study program was launched by the Rebbe—Rabbi Menachem M. Schneerson, of righteous memory—in 1984. Recognizing that not everyone has the ability to study three chapters a day in time to complete the 14 books of Mishneh Torah in one year, the Rebbe created two additional parallel tracks: one that completes the study in three years by learning one chapter a day and another that goes through Maimonides’ compilation of Sefer HaMitzvot (“Book of Commandments”) over the period of a year.


This year marks a “triple celebration” that includes those who learned three chapters per day, those who learned one chapter a day, and those who follow the daily learning cycle of Sefer HaMitzvot, all simultaneously completing their study cycles.


Events will take place in cities around the world, like Tiberias in northern Israel, where the siyum will be held at the tomb of the Rambam. On Sunday, April 23, Chabad-Lubavitch of Wisconsin will host a siyum and celebration of Jewish unity and Torah study in this year of Hakhel. The event will be dedicated to the legacy of Henya Federman, a native of Milwaukee who devoted her life to locals and visitors to the Virgin Islands. In Morocco, Chabad will lead a group from Casablanca to the Rambam’s home in Fez, where they will celebrate the study of Mishneh Torah and pay homage to a Torah sage who lived briefly in their home country. Two weeks later, a grand completion ceremony will take place outside Chabad-Lubavitch World Headquarters in Brooklyn, N.Y.


 

Judeus de todo o mundo se reúnem para concluir o estudo das obras de Maimônides


No Shabat de 22 de abril, os judeus de todo o mundo concluirão o estudo diário da Mishneh Torá, grande obra de Maimônides, também conhecido como Yad HaChazakah ou simplesmente Rambam - o acrônimo hebraico para o rabino Moshe ben Maimon. Os eventos de conclusão serão realizados em todo o mundo no dia do encerramento da obra, com grandes comemorações também ocorrendo duas semanas depois, na festa de Lag BaOmer.


O programa de estudo foi lançado pelo Rebe—Rabi Menachem M. Schneerson, de abençoada memória, em 1984. Reconhecendo que nem todos têm a capacidade de estudar três capítulos por dia a tempo de completar os 14 livros da Mishneh Torá em um ano, o Rebe criou duas trilhas paralelas adicionais: uma que completa o estudo em três anos aprendendo um capítulo por dia e outra que passa pela compilação de Maimonides do Sefer HaMitzvot (“Livro de Mandamentos”) durante o período de um ano.


Este ano marca uma “celebração tripla” que inclui aqueles que aprenderam três capítulos por dia, aqueles que aprenderam um capítulo por dia e aqueles que seguem o ciclo diário de aprendizado do Sefer HaMitzvot, todos simultaneamente completando seus ciclos de estudo.


Os eventos acontecerão em cidades ao redor do mundo, como Tiberíades, no norte de Israel, onde o siyum será realizado no túmulo do Rambam. No domingo, 23 de abril, Chabad-Lubavitch de Wisconsin sediará a celebração. O evento será dedicado ao legado de Henya Federman, natural de Milwaukee, que dedicou sua vida aos moradores e visitantes das Ilhas Virgens. No Marrocos, Chabad conduzirá um grupo de Casablanca até a casa dos Rambam em Fez, onde celebrarão o estudo da Mishneh Torá e prestarão homenagem a um sábio da Torá que viveu brevemente em seu país natal. Duas semanas depois, uma grande cerimônia de conclusão acontecerá na Sede Mundial de Chabad-Lubavitch no Brooklyn, N.Y.

Comments


bottom of page